Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




de novo a Portugal

por aquimetem, em 27.08.09

 

 

O casal Joaquim Afonso e Maria das Neves Afonso

          Radicado, há 50 anos, em terras de Santa Cruz, onde no município do Cruzeiro do Oeste, Estado de Paraná, é conceituado fazendeiro, o generoso bajouquense sr. Joaquim  Afonso mais uma vez veio visitar a terra que em 1931 o viu nascer e depois deixou partir em demanda de novos horizontes, sem que daí resultasse prejuízo para o sentimento bairrista que caracteriza o povo da Bajouca.Tanto da sua parte, como da parte da esposa, a monte-redondense D. Maria das Neves,  o clã de famílias numerosas é notório, o que obrigou o simpático casal a  andar numa roda viva para corresponder  aos muitos convites de familiares e amigos que pediram visita a suas casas e que  no curto  lapso de 05 de Julho a 16 de Agosto foi possível satisfazer.

No decorrer do animado convívio

          Dado que a  família Afonso é grande e o tempo para convidar a todos era pouco, um grupo dos familiares mais chegados tomou a iniciativa de promover um convívio em honra do distinto parente luso-brasileiro que teve lugar nos anexos do Café Sousa, na tarde do dia 1 de Agosto, e contou com a presença do irmão Manuel, das irmãs Emília e Luzia; e dos cunhados, Agostinho, Silvino, Bernardino, Virgílio, Maria e Beatriz , além dos muitos sobrinhos por parte destes casais.

 

Actuação do duo de acordeonistas que pode ser vista

em video

          Graças a um convite do seu sobrinho Carlos, presidente da Junta da Freguesia da Ilha, o convívio foi animado com um duo de acordeonistas e cantadores da vizinha freguesia da Ilha que mereceu os aplausos de todos os presentes. Foi uma tarde de são e alegre  convivio que reunio um bom número de membros da família Afonso da Bajouca e que o hospitaleiro bajouquense Joaquim Afonso, e sua dilecta esposa, por certo levam bem gravado na alma para lá longe na fazenda de São Miguel, do Cruzeiro do Oeste, recordar com saudade e ganhar coragem para em breve voltar de novo a Portugal.

 Foto colectiva dos participantes

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:49


4 comentários

De Costeira da Murta a 01.09.2009 às 12:48

Quem não arrisca não petisca.
Tenho ténues recordações de infância, da figura deste ilustre Bajouquense , antes de rumar para Brasil.
Fiquei muito agradado com o rol de amigos que o Sr Joaquim Afonso ainda conserva na Bajouca , passados que são cerca de 50 anos.
O próprio me confirmou que passou "as passas do Algarve" até chegar ao conforto actual como fazendeiro e que correu risco elevados.
Para tanto, julgo, o casal teve que perder o amor a todos os bens que possuía em Portugal.
Desejo ao Casal Afonso do Brasil, a continuação de prosperidade e que possam vir mais vezes usufruir da hospitalidade da família e amigos. Bem hajam.

De aquimetem a 01.09.2009 às 17:07

Conheci-o por ocasião da 1ª visita que à cerca de 26 anos fez a Portugal, depois da sua partida. Já cá voltou mais tarde mas crio que com disponibilidade e vagar só desta vez, que é a 3ª. Dele tenho ouvido falar muito bem, sobretudo por muitos daqueles que da sua hospitalidade têm beneficiado ao passarem pela sua fazenda e ali generosamente serem acolhidos como amigos. Então o meu distinto comentador ainda conserva memoria do Sr. Joaquim Afonso antes dele ter partido para o Brasil? Quer dizer que como eu também já não é nenhum jovem. Um abraço

De Anónimo a 03.09.2009 às 23:22

Cá temos sintomas de Bajouca sempre em festa...!
Mas se o casal fez pela vida e se têm assim tantos amigos cá, é porque são boa gente .Desejo-lhes também, continuação de boa saúde e muita prosperidade.

De aquimetem a 04.09.2009 às 00:35

Pois é! E eu quase sempre convidado para participar, quando até nem sou muito comilão. Que faria se fosse!!! Um bom dia e bem haja pelo comentário.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D