Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Dia de Ano Novo!

por aquimetem, em 02.01.12

 

          Além da Festa alusiva ao nascimento do Deus Menino que mundialmente se celebra em todos os lares cristãos a 25 de Dezembro, também no casal dos Afonsos, na Bajouca Centro, o dia é festejado com redobrada animação, pois nessa data faz anos a chefe do clã, a ti Beatriz Rata. 

 

          Nesse dia, ande por onde andar a descendência, toda a família se junta no acolhedor telheiro para se reunir e festejar o aniversário da mãe, avó e bisavó. De Lisboa, de Sintra, de Mafra e...até de Leiria vai pessoal para em uníssono cantar os parabéns à simpática aniversariante e com ela conviver no dia de Natal. Mas a festa não se ficou só por aí, na família há mais quem faça anos. O Zé da Zezita,  a 2; a Sãozita,  a 7; o Zé da Prazeres, a 28, e o Virgílio da Sãozita, a 10 de Outubro, que no entanto para se juntar aos nascidos em Dezembro, festejaram todos em comum na passagem de Ano,  e desse modo fizeram alegre companhia a ti Beatriz do Zé'Afonso, que  fez agora 85 anos.

            Família grande, grande casa, com cozinha e mesa a condizer. Esta, entre Natal e Ano Novo nem se chega a levantar pois se enche todos os dias de comensais

 

          Lá fui após a Missa vespertina do 1º Dia do Ano mais o Sr. Padre Virgílio juntar-me a toda aquela generosa família que não só ofertou a ceia como também as tradicionais doze passas com que se recebeu o 2012.

 

          Claro que Sr. Padre Virgílio foi festejar passagem na cama, porque os dias festivos não são para os sacerdotes gozar, são de missão. Fiquei por ele e com mais sorte: ganhei o almoço do Dia de Ano Novo!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:01


7 comentários

De MG a 03.01.2012 às 10:57

Parabéns à Tia Beatriz!!
Bom Ano Novo para todos!!
Tanta gente!!
O Senhor fica sempre para os almoços -Ganha sempre o almociinho, não sei como é que faz...

De aquimetem a 03.01.2012 às 11:21

É simples, fico sempre para o fim e depois muito simpático quando as pessoas se preparam para levantar a mesa e limparar o chão, costumo dizer: deixem esse trabalho para depois da próximma refeição que eu venho cá ajudar. Como sou homem de palavra a essa hora lá estou. Mas aqui não foi o caso.
Vou apresentar os seus à ti Beatriz as suas felicitações que ele vai agradecer. É por ser muita gente que há sempre o bocadinho para todos, quando é pouca só na Expo....Bom ano

De aquimetem a 03.01.2012 às 11:35

Queria dizer " Vou apresentar os seus cumprimentos à ti Beatriz e suas felicitações que ela vai agradecer". Estas maquinetas digitais parecem a governação que os povos tem a governá-los.

De Costeira da Murta a 27.01.2012 às 14:03

Valha-nos o Menino Jesus!

Estes simpáticos ajuntamentos fazem-me recuar aos tempos de infância em que o Natal era de facto uma festa para todos!
No dia de Natal, de manhã nós, os miúdos lá de casa, fazíamos correria para a chaminé, para ver o que é que o Menino Jesus nos tinha lá deixado de presente no sapato, alinhado por idades.
Ah, mas que belos e felizes presentes, desde piões ou meias para os rapazes, uma outra boneca para as miúdas e roupas de agasalho compradas na feira dos 13 ou dos 29!.
Tudo isto enquanto o pai e a mãe, encostados ao moirão , estavam ainda mais contentes do que nós, a apreciar a festa!!!
Depois, na Missa do dia, enquanto se beijava o Menino, os rapazes corriam para a torre da Igreja, para tocar o sino, num toque de rebate próprio e não havia frio que chegasse às mães deles em contacto com o badalo, bem frio!
Festa era festa, mesmo no meio da maior simplicidade.
Hoje, também nos esforçamos para festejar, e muitos, tal como o exemplo deste grande família ainda o conseguem fazer.
Mas, valha-nos que lá que os tempos estão cinzentos, lá isso estão!
Obrigado aos Afonsos e a todos os Bajouquenses , pela Alma!
Saudações.

De aquimetem a 29.01.2012 às 18:40

Como é norma sempre que vem a terreiro o Sr. Costeira da Murta deixa um retrato artisticamente encaixilhado num quadro de revelações que de forma muito subtil relatam o passado histórico da capital do barro leiriense . Disso dei conta desde a primeira hora em que iniciou a sua generosa colaboração como comentador dos meus posts afectos a terras de Santo Aleixo da Bajouca , terras que creio são dele bem conhecidas, assim como as famílias de quem com tanto pormenor descreve. Parabéns e o meu muito obrigado.

De Costeira da Murta a 31.01.2012 às 18:40

Generosidades
Generosidade do estimado repórter!
Certamente reparou nas gralhas do texto.
Esta fez-me trazer à memória o miúdo que atarefado foi à padaria comprar dois pães, a recado da mãe.
- Então o que é vai hoje? Perguntou o padeiro.
- Queria dois pãos, respondeu o garoto.
- Olha lá meu rapaz não diz pãos, mas sim pães!
O rapaz pagou a despesa e recebeu os pães do padeiro.
Entretanto, o simpático senhor perguntou-lhe se não queria um saco, ao que o miúdo, esperto, retorquiu:
-Não, deixe lá que eu levo-os mas minhas mães!
Não eram as mães que não se atormentavam com o frio, agarradas ao badalo, mas sim as mãos.
Saudações
Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.

De aquimetem a 10.02.2012 às 16:24

Isto de andar cá e lá, dá nisto! Depois porque também não sei porquê, a Sapo deixou de me avisar, como era costume, sempre que tinha um comentário novo. Deve ser por causa da crise. Ia a dizer: dá nisto, porque com as deslocações fiquei sem entrar Na retaguarda e por agradecer ao Sr. Costeira da Murta mais um interessante comentário desta vez apontado ao Acordo Ortográfico que estes intelectuais de meia tigela acabam de aprovar. Da minha parte só tenho pena é dos cágados, que com este tratado certamente passam a chamar-ne CAGADOS. ..pobres animais!!!!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D