Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




controlar o cidadão!

por aquimetem, em 29.05.07

    Telheiras - mais uma relíquia do passado em abate

            Amanhã vamos ter greve geral, isto é, Portugal vai atrasar mais um dia ! Já me não afecta pois fui dos que tive a sorte de já não estar subjugado a qualquer das tutelas desta  equipa de governantes que temos agora em cena, e a qual de interesse tem apenas o facto de nos fazer lembrar os tempos em que reinava o posso quero e mando. O povo é quem mais ordena, mas nem sempre a opção escolhida é a melhor e creio que desta vez a falha foi estrondosa! E no essencial, foram embarretados!  Saúde, educação, segurança, emprego, adeus ó rosa!!!  Pois é, mas vem ai um candidato à Câmara Municipal de Lisboa que no governo deixa de lixar os portugueses, para apenas só tramar os lisboetas. Mas o zé tão camelo deste lado como do outro é bem capaz de votar sim, como fez a quando do  aborto.  

          Mas voltamos à greve, onde a Comissão Nacional de Protecção de Dados (CNPD), deliberou proibir um despacho que a Direcção-Geral de Impostos (  DGI ), sob batuta do ministro Fernando Teixeira dos Santos,  que enviado aos diversos serviços estatais ordenava o preenchimento de um mapa com o número  mecanográfico e o número de identificação fiscal do trabalhador ausente por greve. Segundo o ministro, o objectivo era apenas saber com rigor qual o número de aderentes ao evento. Brincalhões! Nem os promotores se podem gabar disso,  e  vinha agora a DGI consegui-lo! Sejam francos, e antes de substituírem o i por um s,  digam: queremos controlar o cidadão !        

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:24


mijões são às carradas

por aquimetem, em 27.05.07

O Pelourinho de Chaves, foto do flaviense Fernando Ribeiro   

   

          Neste domingo de Pentecostes, depois duma "romaria" de Maio a um santuário mariano vizinho, regressei a casa para ver o resto do jogo  Sporting - Belenenses, nesta final da Taça de Portugal, em que por 1-0 foi vencedor o Leão. No decorrer desse tempo fui dando liberdade à minha imaginação e esta sem ser obrigada deteve-se numa noticia recente que pelo  Repórter do Marão foi divulgada, e eu agora neste post vou reproduzir, em parte: "Chaves: Urinar na via pública dá multa até 4000 euros". - Este é o titulo com que é publicitada a primeira coima que a Polícia de Segurança Publica (PSP) passou, e bem, a um homem de 27 anos ao ser apanhado em flagrante a urinar às 05h15 contra a montra de uma loja de roupa localizada naquela  cidade. O mesmo Código  penaliza  quem pisar canteiros públicos, defecar fora dos locais apropriados, tomar banho em lavadouros públicos, varejar árvore ou arrancar-lhe frutos, prevendo a coima mínima no valor de 40 euros, sendo que o valor  máximo das multas vai até 4000 euros. Este mijão por ser o primeiro dos "apanhados" levou pela tabela mínima: 40 euros.

          O novo "Código de Posturas Municipais de Chaves"  já tinha sido aprovado na Assembleia Municipal em Abril, 23 anos depois do primeiro regulamento do género criado no concelho,  entrou em vigor a 01 de Março. Entretanto só, segundo João Baptista, Presidente da Câmara, três meses depois é que foi passada a primeira multa, porque inicialmente, se apostara na sensibilização da população. 

          Ai se o presidente da CML que em 15 de Julho sair das intercalares tem disto conhecimento,  e se lembra seguir o exemplo dos corajosos autarcas de Chaves! Vai ser uma mina, e não tarda que  a Câmara de Lisboa deixe de estar endividada!  A começar que seja logo pelas estações do Metro (Restauradores e Rossio), Teatro D.Maria II e Largo de São Domingos,onde desavegonhadamente os mijões são às carradas.

         

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:58


lá vai Lisboa...

por aquimetem, em 24.05.07

     

Este é um dos belos edifícios de Lisboa  Antiga,

situado no Saldanha e com a porta  Nº 1

da Av. da Republica, já se encontra desabitado e pronto

para dar lugar a um arranha-céus.

Uma cidade que, como os burros, só vê em frente...  

           O José Luz, ao que creio residente em Lisboa, veio no Destak de hoje, expressar aquilo mesmo que, como também eu, pensam muitos portugueses: a Câmara de Lisboa é ingovernável ! E explica porquê: 90% dos seus rendimentos são para custear o pessoal; depois há firmas privadas que custam milhões a prestar serviços juridicos que deviam ser prestados pelos serviços do município; do mesmo modo gastam-se anualmente milhões em telefonemas; entretanto há obras, como o túnel do Marquês, em que não se exigiu a devida indemnização a quem a embargou ilicitamente. Ganhou ou não a CML, o processo no Tribunal Administrativo ?! Então? Consequências para o vareador embargador, que inicialmente tutelou uma  providência cautelar judicial? Nenhumas.

          Existem cerca de mil e trezentos avençados. Dividas até aos cabelos. Com a próxima eleição, preve-se que a Câmara tenha uma maioria diferente da Assembleia Municipal. Não faltarão guerras nos jornais e na TV. É este o Portugal dos pequeninos, onde não há coragem para impedir constitucionalmente os politicos com mau desempenho de voltarem a aceder a cargos públicos. - Eu vou mais longe, retirava-lhes todas as avenças sociais derivadas de cargos  e tempo de serviço que prestaram  em actividade política. Assim a corrupção acabava e os políticos passavam a trabalhar por amor à causa publica e  não pela causa de cada um.... Claro que há excepções, mas tem que se saber onde. Enquanto isso, lá vai Lisboa...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:50


terra de fenómenos...

por aquimetem, em 15.05.07

A ignorância e a maldade fazem disto:

foi decepado o eucalipto! 

Pinheiro hospedeiro

O pinheiro já só com um dos seus hospedes:

o sobreiro

          Já só as gerações mais maduras se lembram de ler ou ouvir falar dos "fenómenos do Entroncamento". Durante muitos anos aquela ferroviária cidade ribatejana tornou-se famosa graças a um seu correspondente da Imprensa Diária que atento a toda a espécie de anomalias que a Natureza deixasse ver, sobretudo no reino vegetal,   lá estava o distinto jornalista   pronto, de pena afiada,  para a seu gosto divulgar mais um   "fenómeno". Nesse sentido deu nome à terra e  por isso ainda hoje é usual  dizer-se de certos motivos fora do comum: isto parecem  "fenómenos do Entroncamento" ! Olhem, esta do PS tirar um ministro ao governo para concorrer à Câmara Municipal de Lisboa, também para mim é um verdadeiro fenómeno! Não foi nem é  para dar sopa aos pobres! Era bonito se agora os lisboetas se vingavam do Sócrates, mas... para isso também o PSD tem que fazer uma escolha acertada.

          Mas eu não estou neste post para falar de política, estou para dissertar acerca do que também à tempos descobri na freguesia da Bajouca e que mereceu a minha curiosidade, pois trata-se  de um " fenómeno", de dois, melhor dito, digno de divulgação! 1º-Junto ao cemitério da localidade, existe um pinheiro manso em cujo tronco nasceram e se alimentam dois géneros diferentes de árvore: um  sobreiro e um eucalipto. 2º-Para lamentar que alguém sem respeito pelo património natural tivesse cometido a leviandade de por ignorânciia ou ruindade decepar  o eucalipto  que com o sobreiro davam àquele pinheiro   o direito de também a Bajouca figurar pela positiva como terra de fenómenos...    

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:19


Parabéns ao David

por aquimetem, em 04.05.07

Muito bem rodeado...

          No passado dia 29, depois da ordenação do presbítero Marco Brites, ocorrida  na Sé de Leiria, regressei à  Bajouca, para no coração da paróquia de Santo Aleixo tomar parte na festa de aniversário natalício do David Pedrosa, marido da minha sobrinha Helena Afonso. Não me perguntem quantos anos ele  festejou, porque hoje até os homens já têm vergonha de mostrar os dentes...Com o meu sobrinho David não é isso que sucede; mas já quanto   mim, nem  sei que vos  diga...Mas vamos ao cerne da questão: festa rija, que muitos amigos ajudaram a dinamizar !         

           Não quero exceder-me mas quase garanto que até a objectiva da maquina fotográfica turvou perante tanta animação.... Parabéns ao David e à  Helena que se antecipou uns dias...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:16


Poços a céu-aberto

por aquimetem, em 03.05.07

          Hoje, neste dia, a Igreja festeja os santos Filipe e Tiago, apóstolos. Na terra do galo de Barcelos recordo-me de nesta data,  aqui há uns anos atrás, se festejar com toda a pompa e rigor a Festa das Cruzes, uma das mais importantes festividades do norte de Portugal.

          Mas não foi para dissertar à volta de temas tão importantes como esses que neste começo do mês de Maria entendi aqui citá-los, o objectivo tem mais a ver com as imagens  que ilustram este post e que eu há pouco detectei algures junto a um caminho de aldeia quando desportivamente por lá passava. Posso garantir que não se trata de nenhum castro ou citânia, mas de ratoeiras onde só por milagre uma criança ou animal não cai.

 

                                                            Poços a céu-aberto

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:03


fui Eu que vos escolhi

por aquimetem, em 02.05.07

            No passado dia 29,  Domingo do Bom Pastor, foi até Leiria, para na Sé da princesa do Lis assistir à ordenação do Padre Marco Brites, um jovem de 26 anos, natural de Monte Redondo que conheci de perto na Bajouca quando ali esteve durante algum tempo a estagiar.

 

Altar-Mor da Sé de Leiria 

          Foi uma cerimónia bonita e muito participada, com o famoso  templo a transbordar de fieis vindos em grande número de Monte Redondo, da Bajouca , do Souto da Carpalhosa , de Regueira de Pontes e doutras partes onde o padre Marco Paulo da Silva Brites já conquistou amizades. Depois o facto de na mesma Eucaristia  ocorrer a ordenação do Diácono Marcelo Cavalcante de Moraes, jovem muito ligado a Albergaria dos Doze, mais veio contribuir para que esta solenidade presidida por D. António Marto, bispo de Leiria/Fátima, acolitado por D. Serafim e D. João Alves, bispos eméritos respectivamente de Leiria e Coimbra,  além da importância do acto em si se revestisse também com aquele  brilho e participação festiva que pude testemunhar. 

          Pela vossa generosidade, Padre Marco Paulo e Diácono Marcelo Moraes , os meus parabéns sobretudo à Diocese de Leiria/Fátima. Isto porque segundo São João (15, 16) foi Jesus Cristo quem disse "Não fostes vós...  fui Eu que vos escolhi ".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:22


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D